Tédio é o aborrecimento com a vida

Qual é a diferença entre aborrecimento e tédio?

O aborrecimento é definido como um estado mental desagradável, caracterizado por efeitos como irritação e distração do pensamento consciente, podendo levar a emoções como frustração e raiva.

Existem várias acontecimentos que podem nos deixar aborrecidos: a demora numa fila, o congestionamento, o volume alto de uma conversa ou de um aparelho eletrônico. Mesmo estímulos a princípio considerados neutros ou agradáveis podem se transformar em motivo de aborrecimento devido à repetição: o alarme de um carro que dispara e não é desligado, uma música que alguém está ouvindo repetidamente, o clássico caso da torneira pingando.

Um estudo publicado no International Journal of Conflict Management relata que a resposta de uma pessoa a um aborrecimento, principalmente quando a causa é produzida por outra pessoa, aumenta para níveis mais extremos à medida que a situação não é resolvida.

O tédio é o aborrecimento que decorre da falta de coisas interessantes para fazer, ouvir, sentir, é a sensação de vazio causada pela mesmice da vida cotidiana sem novidades. Para as pessoas entediadas, o tempo parece passar mais lentamente do que quando elas estão entretidas. 

Embora o tédio se manifeste por falta de motivação intelectual ou estimulo físico, acaba por exercer uma espécie de cansaço por inatividade, ou seja, as energias que de outra forma seriam gastas no desenvolvimento de atividades estimulantes acabam sendo drenadas por essa mesma inatividade, exercendo um esgotamento progressivo.

A definição de Eckhart Tolle para aborrecimento é quando “a mente tem fome de novos estímulos, de mais alimento para os pensamentos. A mente existe em um estado de “nunca ter o suficiente”, porque sempre ambiciona mais. Quando você se identifica com a mente, você se aborrece e se inquieta facilmente.”

Qual a melhor opção para se livrar do sentimento de tédio?

Existem várias maneiras para saciar temporariamente o aborrecimento: navegando na internet sem rumo definido, fazendo compras sem necessidade, vendo televisão sem na verdade assistir, comendo mesmo sem ter fome.

Dentre estas e inúmeras outras opções, Tolle indica uma alternativa melhor: sentir o aborrecimento, observar a sensação de estar aborrecido: À medida que você vai se dando conta destas sensações, começará a surgir algum espaço e quietude em volta delas. A princípio só haverá pouco, porém, conforme cresça a sensação de espaço interno, o aborrecimento começará a diminuir em intensidade e significado. De modo que inclusive o aborrecimento pode lhe ensinar quem você é e quem você não é.”


Talvez também lhe interesse:


Isto significa que, a partir deste exercício, podemos perceber a diferença entre “ser uma pessoa aborrecida” e “estar aborrecido”. O aborrecimento, simplesmente, é um estado temporário, uma sensação decorrente de alguns acontecimentos. É um estado mutável em que se encontram a mente e as emoções.

Você não é uma pessoa aborrecida, irritada, entediada ou triste. O aborrecimento, a irritação, o tédio e a tristeza são sentimentos que são “seus”, mas não são “você”. Eles chegam, depois vão embora.

“Nada daquilo que vem e vai é você.” –  E. Tolle

Você pode não ter controle sobre tudo o que vem, isto é, você não pode controlar as ocorrências externas que vão desencadear determinados sentimentos.

Mas você pode ter controle sobre tudo o que vai, ou seja, você pode assumir o controle sobre os pensamentos e emoções que trazem sensações desagradáveis.

E como foi explicado acima, a forma de fazer isso é não mascarar esses sentimentos com temporárias e ilusórias compensações, mas ter a clareza para percebê-los, a coragem para aceitá-los e a sabedoria para transformá-los.

 

Noemi C. Carvalho

 

com informações de: Wikipedia- aborrecimento e Wikipedia – tédio

 


Anime-se acompanhando LêAqui nas redes sociais:


 

Anúncios


Categorias:Emoções

Tags:, , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: