Enquanto todos se “acham”, eu me encontro

A sensação de insegurança reforça nossas “armaduras emocionais”

Quando nos expomos aos programas noticiosos, dificilmente estaremos bem após o “boa noite” do apresentador. São tantas e tão grandes as tragédias diárias que chegam aos nossos olhos, que coração e mente se desestabilizam e muitas vezes isso é o suficiente para fazer nossa vibração energética baixar. E quanto mais nossa energia se deteriora, mais expostos ficamos a problemas e influenciações negativas.

A percepção construída após assistirmos esses programas reforça uma sensação de insegurança, cada vez mais presente hoje em dia.

Esse fato, associado aos processos interiores que cada um de nós mantém, em muitos casos ajuda a reforçar os mecanismos de defesa construídos pela nossa psique, onde geramos máscaras e personagens para que evitemos situações que possam nos por em perigo.

Com isso, reforçamos nossas “armaduras emocionais”, até ao ponto delas mais nos imobilizarem do que protegerem.

Imobilizados nas fantasias do ego, vamos nos distanciando do nosso verdadeiro Eu, até o momento em que a distância é tão grande que chegamos até a esquecer quem somos, de onde viemos e para que aqui estamos.

Precisamos reconstruir nossos caminhos

Desconhecidos de nós mesmos, tememos ficar conosco, imergir em nosso íntimo. A quietude e o silêncio podem construir caminhos seguros para romper as barreiras do medo. Na paz que a quietude e o silêncio constroem, podemos ver emergir a força transformadora  do amor incondicional. Essa energia sutil e poderosa, é a única força que conseguirá romper com o ódio irascível que corrompe e nos distancia da força criadora.

É chegada a hora de dar um basta. Precisamos refazer nossos programas mentais, dar um “restart”, e através dos caminhos que o silêncio pode desbravar, aplicando-nos em sua prática diária, poderemos renovar a mente e, com novas e sadias atitudes, iniciar a renovação que tanto precisamos.

Se quisermos mudar o mundo, é através da nossa renovação que temos que iniciar. É nossa mudança que possibilitará a mudança do mundo.


Posts relacionados. Leia aqui:


Feche os olhos, procure a calma interior através da respiração lenta e profunda; inspire e sutilmente solte o ar, deixando que todas as tensões e medos sejam exalados também. Apazigue sua mente, solte todas as preocupações e ansiedades, imagine a paz, uma profunda e ampla paz, traga o seu mundo para essa paz, e assim levará paz ao mundo.

Isso é o que a você é pedido, essa é a sua parte. Declare sua paz interior, derrube todos os muros dentro de você que o distanciam de sua essência, do que você em verdade é.

Reconcilie-se com você, abandone  todas as máscaras e fantasias, se descubra, se encontre.

Deixe os outros se “acharem.”

A mudança do mundo começa por você se encontrar.

 

José Batista de Carvalho

 


LêAqui: a mensagem certa na hora certa


 

Anúncios


Categorias:Autoconhecimento

Tags:, , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: