Desapegue: o apego bagunça a sua vida.

O apego pode contribuir para seu desgaste energético.

Você já se sentiu cansado sem saber o por quê? Um cansaço que não é de esforço físico, é só uma exaustão.

Se você não teve um desgaste físico, o seu check-up está em ordem e sua saúde vai bem, provavelmente é um desequilíbrio no seu fluxo de energia.

E por que seu fluxo energético está desordenado? Provavelmente por causa de pensamentos que andam tumultuando tudo.

Muitas podem ser as causas que geram esse tipo de pensamento desestabilizador. Hoje vamos falar de um forte motivo que pode provocar toda essa bagunça: o apego.

O apego excessivo pode apagar o brilho da sua vida.

Apego é uma coisa que vai acontecendo. É um vínculo que vai sendo estabelecido, que aos poucos vai se estruturando, cria laços e se torna cada vez mais forte.

Nem percebemos, na maioria das vezes, como somos apegados, seja a pessoas, a objetos, a conceitos e ideias. O apego se estabelece porque nos identificamos com o elemento em questão. Ele nos transmite sensação de segurança, de pertencimento, de identidade. Fica amalgamado ao nosso ser, é parte de nossa existência.

Torna-se, contudo, uma sombra em nossa vida, porque deixamos o nosso ser interior ficar obscurecido e diminuído pelo poder e fascínio que o elemento a que nos apegamos exerce sobre nós. Ficamos acomodados a uma situação e não nos abrimos a novos conhecimentos e oportunidades, ou sentimos medo de tomar iniciativas porque  não confiamos na nossa capacidade.

Quanto antes percebermos se o nosso apego pode estar se tornando prejudicial e nos libertarmos de seu efeito nocivo, melhor será para a realização de uma vida mais plena e independente.

Como desapegar?

Quando o vínculo com as pessoas a que nos deixamos prender é muito intenso, podemos sentir dificuldade e receio em declararmos nossa autonomia.

Gasparetto descreve um exercício que pode ser praticado para ajudar a se desprender desse tipo de relação tóxica. Ele nos conduz por um exercício mental da seguinte forma:

“Como a gente se apega às pessoas! No fundo, nos apegamos a algo que vemos nelas: segurança, apoio, amor. O apego existe porque você espera que os outros lhe deem o que você não consegue obter dentro de si mesmo. Mas há um meio de encontrarmos o que precisamos dentro de nós!

Imagine-se tirando do seu corpo todas as pessoas que conhece: familiares, colegas de trabalho, amigos, vizinhos. Agora, imagine que está dentro de um estádio, bem no meio do campo, e todas essas pessoas estão quietas, nas arquibancadas. Diga a elas: “Estou me dando o direito de não esperar nada de vocês. Deixo de lado qualquer expectativa e, o que vier, é lucro”. Escutando você, elas começam a abandonar o estádio. E ele fica vazio. Pela primeira vez, dentro de você não tem ninguém. Você está só, olha para o chão e vê um buraco. Agora pule e sinta apenas a sensação de cair.

De repente, o fundo começa a aparecer. Seja o que for: pedra, água, luz, não importa, fixe seu olhar nesse fundo. Se o que você viu foi uma pedra, imagine-se derretendo e virando uma pedra. Diga: “Eu sou as sensações que tenho agora. Na realidade, caí dentro de mim, da minha essência”. Então o buraco some e só ficam as sensações. Tudo o que você queria está simplesmente em você!

Está se sentindo mais seguro e livre? Agora vamos sentir que podemos nos tornar ainda mais leves. Lembre-se de soltar todos os ressentimentos que ficaram presos em você todos esses anos quando as pessoas não lhe deram o que queria.”

A renovação estabelece seu potencial e libera seus recursos interiores.

Faça diariamente essa mentalização, até você se sentir mais sereno, tranquilo, seguro, independente. Não se cobre por resultados imediatos. Apenas vá estabelecendo o seu poder pessoal em sua consciência.

“Reflita: se você não se valorizou, por que alguém iria fazê-lo? Você é a responsável por tudo aquilo que se passa na sua vida! Então, limpe-se por dentro e perdoe compreendendo que cada um deu aquilo que podia ter dado.

Mergulhe na consciência da sua própria liberdade: “Meu corpo está limpo. Meus sentimentos estão renovados. Desfruto de paz. Não há obstáculos na minha vida. Todos os recursos estão em mim. Eu me sinto superior ao que eu era. Eu me sinto melhor e efetivamente bem”, complementa Gasparetto.

Comece a fazer essa renovação, estabelecendo o compromisso com você de ser melhor para você mesmo, sabendo que isso é possível porque todos os recursos estão em você.

Desapegue para ser feliz.

 

Noemi C. Carvalho

 

 


LêAqui: a mensagem certa na hora certa.

Também nas redes sociais: Facebook – Instagram – PinterestTwitter


 



Categorias:Autoconhecimento

Tags:, , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: