Home / Espiritualidade / A ligação espiritual com os nossos animais de estimação

A ligação espiritual com os nossos animais de estimação

Em primeiro plano um belo cão pastor branco tendo atrás de si uma luz muito alva e bela e mais ao fundo o céu com nuvens ligação espiritual animais

Laços de afeto formam a ligação espiritual entre homens e animais.

Muitas pessoas querem saber como encontrar o seu cachorro reencarnado, querem saber quanto tempo demora para um gato reencarnar. Procuram saber o que acontece com os seus animais de estimação depois que eles se vão, querem entender se existe uma ligação espiritual.

Enfim, o amor que devotam aos seus animaizinhos pede respostas na ânsia de poder ter notícias de seus bichinhos de estimação, muito estimados bichinhos.

Eles se tornam parte da nossa vida, dão trabalho, sim, às vezes nos tiram do sério. Mas o seu carinho, o afeto que demonstram, os cuidados conosco, a alegria que trazem, a companhia que fazem…tudo vale a pena.

Parafraseando o poeta, tudo vale a pena quando a vida não é pequena. E nenhuma vida é pequena. Todas são sementes divinas de amor, que germinam em diferentes vasos, de diferentes formas, para se desenvolver, crescer, florescer, frutificar.

Os animais também são espíritos em desenvolvimento.

Os animais, assim como nós, são espíritos em jornada de evolução. E encarnam num corpo material para que, a cada vez que reencarnam, possam aprender e incorporar algo mais. Assim como acontece conosco.

Mas eles não têm, como acontece conosco, a consciência desenvolvida. Nós, quando desencarnamos, ou seja, quando morremos, mantemos a consciência da nossa vida. É a nossa consciência que nos faz ver o bem e o mal que praticamos em vida, bem como a ação e a iniciativa, ou a inércia e a omissão.

E é ela, a nossa própria consciência, que nos mantém nas zonas sombrias, conhecidas como umbral, quando retornamos ao plano espiritual, ou então nos permite ir a lugares onde continuaremos nosso trabalho de aperfeiçoamento, dependendo da análise que ela faz – ou seja, que nós mesmos fazemos – da nossa vida pregressa.

Segundo “O Livro dos Espíritos” (Parte 2ª, Capítulo XI, “Dos Três Reinos”), os animais não progridem, como o homem, por ato da própria vontade, mas sim pela força das coisas, razão por que não estão sujeitos à expiação.

Mesmo assim, os animais estão sujeitos, como o homem, a uma lei progressiva. Portanto, “nos mundos superiores, onde os homens são mais adiantados, os animais também o são, dispondo de meios mais amplos de comunicação. São sempre, porém, inferiores ao homem e se lhe acham submetidos, tendo neles o homem servidores inteligentes.”

Quanto aos animais, eles têm instinto e inteligência, mas não têm a consciência desenvolvida como a nossa, por isso eles não são responsáveis por seus atos.

Bondosas entidades espirituais cuidam dos animais quando eles desencarnam.

Quando morrem, os animais são acolhidos por entidades espirituais dedicadas que trabalham especificamente no cuidado e encaminhamento desses seres.

Muitos deles podem ficar prestando serviços no plano espiritual, trabalhando e ajudando os espíritos em várias funções, como relatou André Luiz em “Nosso Lar”, através da psicografia de Chico Xavier.

Outros, pelos laços que se criaram, podem ficar por algum tempo junto aos seus donos, certamente em benefício de ambos. E outros, ainda, reencarnam e podem até voltar a viver com seus tutores anteriores.

Chico Xavier teve muitos animais de estimação, e conta muitas de suas histórias e das suas relações com os peludinhos queridos.

“Quanto às relações misteriosas que existem entre o homem e os animais, isso, repetimos, está nos segredos de Deus, como muitas outras coisas, cujo conhecimento atual nada importa ao nosso progresso e sobre as quais seria inútil determo-nos.”, finaliza Kardec.

Noemi C. Carvalho

ASSINE GRATUITAMENTE NOSSA NEWSLETTER

1 – Insira o seu e-mail e cadastre-se.

2 – Autorize sua inscrição no e-mail de confirmação que você vai receber.
* Lembre-se de olhar as caixas de spam e de promoções.

Política de PrivacidadePolítica de Cookies Política Anti-Spam

LêAqui: a mensagem certa na hora certa.

Também nas redes sociais:

Facebook

Instagram

Pinterest

Twitter

YouTube

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossas publicações por

e-mail

 Insira o seu e-mail para se cadastrar.

Você vai receber primeiro um e-mail para autorizar a inscrição.

Lembre-se de olhar as caixas de spam e de promoções.

Um e-mail vai ser enviado para você autorizar a sua inscrição. Lembre de olhar a caixa de spam.

%d blogueiros gostam disto: