Home / Autoconhecimento / Atitudes que propagam a paz

Atitudes que propagam a paz

Pomba branca voando simbolizando que propaga a paz.

Novamente sentimos brotar em nossos sentidos a necessidade de construir a paz que tanto desejamos.

Esta tarefa, apesar de aparentar uma grande dificuldade, não é impossível. Se nós realmente quisermos, podemos fazer cessar todas as animosidades, conflagrações e guerras que ocupam o nosso planeta, podemos, assim, tomar atitudes que propagam a paz.

Para isso precisamos dar uma chance para que a paz brote em nosso ser.

“Você poderá dizer que eu sou um sonhador, mas eu espero que eu não seja o único. Espero que um dia muitos possam se unir a mim e assim o mundo vai ser um só.” – John Lennon

Você me pergunta: “Como é que eu posso contribuir para a paz no mundo?”

São Francisco nos deixou um caminho, ele pediu para Deus lhe ajudar:

“Senhor, fazei-me instrumento da vossa paz
Onde houver ódio, que eu leve o amor
Onde houver ofensa, que eu leve o perdão
Onde houver discórdia, que eu leve a união
Onde houver dúvida, que eu leve a fé
Onde houver erro, que eu leve a verdade
Onde houver desespero, que eu leve a esperança
Onde houver tristeza, que eu leve a alegria
Onde houver trevas, que eu leve a luz.“

Sonhos que muitos sonham juntos se tornam realidade, propagam a paz.

Então, inspirações e orientações temos muitas por aí, e que mal há em sonhar com um mundo melhor?

Vamos lá, cada um de nós pode se transformar em um pequeno átomo da paz, uma ativa parte que, ao se unir a outras, pode então gerar o brilho que começará a afastar as trevas que tentam obscurecer nosso belo planeta.

Somos capazes de olhar para nossa mente e analisar os pensamentos que se constroem lá dentro, as coisas que acreditamos ser verdadeiras, as concepções que fazemos sobre os acontecimentos que geram a realidade em que vivemos. Somos experientes o suficiente para entendermos as quintas intenções que se movem por detrás dos polidos discursos.

Nós nos esquecemos que todos fazemos parte de uma fantástica rede, onde estamos interligados pelo pensamento e somos capazes de gerar mais pensamentos individual e coletivamente, e assim permear outras mentes com a energia da renovação, mudar as crenças e disseminar amorosamente pensamentos de ternura, carinho, cuidado, afeto e respeito.

Nós podemos ser instrumentos ativos em ações que propagam a paz.

Portanto, não vamos mais nos deixar abalar pelo murmúrio que nos chega profetizando mais duros dias à nossa espera, pela violência espancando as esperanças nas esquinas das nossas vidas. Não! Podemos dar um basta em tudo aquilo que penetra em nossa mente, em nossos sentidos.

Não mais deixaremos que as sementes negativas da desesperança sejam plantadas em nós para que gere o medo que nos impulsiona para a agressividade.

Somos capazes de escolher outro tipo de plantio. Vamos lançar novas sementes que germinem em sentimentos de ternura, amor e respeito à vida, a todos os tipos de vida. Podemos deixar florir em nosso ser o perfume e o colorido da aceitação, de todos os tipos de pensamentos e religiões.

Essa luz pode caminhar por toda a terra continuamente, basta que a acalentemos de fato em nosso interior e vibremos intensamente para a direcionarmos no sentido do bem maior de todos.

Assim nos transformamos em ativos instrumentos para propagar a Paz.

José Batista de Carvalho

LêAqui: a mensagem certa na hora certa.
Também nas redes sociais: Facebook – Instagram – PinterestTwitter

Acompanhe as publicações inscrevendo-se para receber:
– Newsletter
– Notificações

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Cadastre-se para receber nossas publicações

Receba nossas publicações em sua caixa de e-mails

Após se cadastrar você receberá um e-mail para confirmar sua inscrição.

 

LêAqui: a mensagem certa na hora certa.

 

Você receberá um e-mail para confirmar sua inscrição.

%d blogueiros gostam disto: