Home / Autoconhecimento / Deus sempre nos manda novos sonhos para sonhar

Deus sempre nos manda novos sonhos para sonhar

Passarinho pousado numa tigela de água como em sonhos para sonhar

Quando nossos sonhos acabam, Deus nos manda outros em seu lugar.

Existem momentos na vida em que as coisas que não dão certo acabam extrapolando a capacidade de assimilação. Eu sou o que se costuma chamar de uma pessoa otimista, sempre confiando que tudo vai se ajeitar, confiando em Deus e em seus emissários. E isso me faz sentir que Deus sabe quando minha esperança está esmaecida, minha confiança abalada e então Ele me manda mensagens para reviver meus sonhos, recobrar me ânimo, ter motivos para sonhar.

Às vezes a mente sufoca o coração, aquelas horas em que bate o desânimo ou vem o desespero. Mas quando Deus nos conforta, logo vem a certeza que as coisas são como têm que ser e não recebemos um fardo maior do que o que nossos ombros podem suportar.

O coração amoroso de Deus está sempre perto de nós.

E em todas as vezes que me sinto enfraquecida, não me falta o amparo divino. Tem certas vezes que chego a achar que minha imaginação me leva a ver o que quero, onde não existe nada. Vou explicar para você: talvez você já tenha passado por algum momento em que fica mais angustiado e sente que está ficando difícil manter o sorriso, a aceitação, a compreensão a esperança e a até a gratidão – ou seja, tudo aquilo que fazendo no dia a dia nos mantém equilibrados e saudáveis.

Bem, nessas horas de profunda tristeza, quando peço por esclarecimento e forças, as respostas chegam de diferentes formas. Muitas vezes começo a ver corações em toda parte: numa mancha no chão, num reflexo na janela, na espuma de sabão, numa pedrinha de açúcar.

É como Deus me dizendo: “Eu te amo, meu coração está sempre com você, meu Amor te acompanha, não te esqueci”. Aí ou pergunto diretamente ou dou um jeito para que alguém também veja. E o comentário acaba sendo, realmente: “olha aqui, parece um coração.” Assim tenho certeza que não é minha imaginação.

E não é, na verdade, só quando estou triste. Também quando sinto uma gratidão profunda e sinto minha alma sorrir, os corações aparecem para que eu saiba que minha gratidão também é percebida.

Viver é um exercício de fé e confiança.

Conversar, eu converso sempre com Deus, com Jesus, com meu anjo da guarda agradeço por mais um dia sempre que acordo. Sei que todos eles estão ao nosso lado, ao lado de cada um de nós, mesmo quando nos afastamos. Se esquecemos deles, eles não esquecem de nós, e sempre nos enviam novos sonhos para sonhar. Mas a vida de cada um é responsabilidade pessoal, nem mesmo Deus vai interferir nas nossas escolhas e decisões. Eles ficam de olho, sim, e estão sempre por perto quando chamamos.

Também não adianta querer que todos desejos sejam atendidos, como se eles fossem o Aladim, o gênio da lâmpada mágica. Mas Ele nos manda todo o apoio possível. Não o que é possível para Ele fazer, mas o que é possível nós recebermos. Porque não podemos esquecer que estamos numa jornada evolutiva, numa escola em que o conhecimento é dado, mas as lições devem ser assimiladas, as tarefas cumpridas. E nem adianta querer colar do colega ao lado, porque as provas são todas diferentes, individualizadas.

Então entendo (mais uma vez…) que os problemas são fatos querendo minha solução, testando minha confiança, minha persistência, minha fé. Que não estou só, mas os meus passos só eu posso dá-los. E Deus me diz para ter coragem e seguir, porque ele vai me amparar e sustentar sempre que eu fraquejar.

Deus envia seu Amor para nos relembrar de todos os sonhos que podemos sonhar.

Vou contar outra parte de minha vida: certa vez em que eu precisava de uma motivação, tive a inspiradora ideia de fazer um pequeno jardim em frente a uma janela. Todas as sementes desabrocharam em lindas e coloridas flores que todos os dias me coloriam os olhos e faziam sorrir a alma.

Quando as flores não foram mais suficientes e os pensamentos sombrios queriam pousar de novo em minha mente, Deus me mandou passarinhos, para que o vento de suas asas varresse para longe a negatividade, seu canto encantasse minha vida, e suas bagunças alegrassem meus dias. E ainda hoje, depois de muitos anos, eles continuam vindo, às vezes às dezenas, para se alimentar e tomar banho no quintal. São sabiás, maritacas, bem-te-vis, sanhaços, rolinhas e outros que não conheço o nome.

E eu agradeço por todas essas bênçãos aladas, que me fazem sorrir, sentir-me útil por poder dar-lhes um pouco, tão pouco, perto do que eles me retribuem.

Na época dos filhotes, eles começam levando para o ninho o alimento em seus bicos, até que os pequeninos possam voar, e então os trazem junto. Eles ficam com os biquinhos abertos, batendo as asinhas, e vão aprendendo a se alimentar sozinhos.

E também entendo que assim é conosco em nossa relação com o Pai Divino. Ele nos ampara, alimenta nossa alma, nos ensina a sonhar e quando não conseguimos, envia alguns sonhos para nos relembrar. Ele nos ensina o que é necessário para fortalecer nossa vida e conseguirmos nos elevar, para, assim, estarmos sempre próximos ao seu Amor Infinito.

Noemi C. Carvalho

LêAqui: a mensagem certa na hora certa.
Também nas redes sociais: Facebook – Instagram – PinterestTwitter

Acompanhe as publicações inscrevendo-se para receber:
– Newsletter
– Notificações

Veja também

Imagem com fundo escuro com a frase tudo passa em branco para superar dificuldades

Orientações de Chico Xavier para superar as dificuldades da pandemia

As lições de Chico Xavier são sempre valiosas, sobretudo quando precisamos de auxílio para superar dificuldades, como neste momento em que vivemos os males da pandemia.

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: