Home / Autoconhecimento / Mensagens de fé e esperança renovam nossa energia

Mensagens de fé e esperança renovam nossa energia

Mão com o dedo indicador apontando para o céu transmitindo mensagens de fé e esperança

Boas palavras acalmam a mente e refazem o ânimo.

Manter a fé e alimentar a esperança com boas mensagens é importante em todos os dia de nossa vida, e ainda mais quando passamos por períodos de dificuldades. As palavras percorrem nossa mente, clareando e apaziguando os pensamentos. Com serenidade, podemos respirar profundamente e liberar as tensões. Conseguimos, assim, restaurar a calma para seguir adiante.

Selecionamos alguns trechos de salmos, orações e textos para ajudar você a sentir a paz e a serenidade, para que a confiança e a coragem permaneçam a seu lado.

Leia todos os dias estas mensagens para renovar a fé e a confiança.

“Não percas a tua fé entre as sombras do mundo. Ainda que os teus pés estejam sangrando, segue para a frente, erguendo-a por luz celeste, acima de ti mesmo. Crê e trabalha. Esforça-te no bem e espera com paciência.

Tudo passa e tudo se renova na terra, mas o que vem do céu permanecerá. De todos os infelizes, os mais desditosos são os que perderam a confiança em Deus e em si mesmo, porque o maior infortúnio é sofrer a privação da fé e prosseguir vivendo.

Eleva, pois, o teu olhar e caminha. Luta e serve. Aprende e adianta-te. Brilha a alvorada além da noite.

Hoje, é possível que a tempestade te amarfanhe o coração e te atormente o ideal, aguilhoando-te com a aflição ou ameaçando-te com a morte. Não te esqueças, porém, de que amanhã será outro dia.” – Meimei, por Chico Xavier


“O Senhor é o meu pastor, nada me faltará.
Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranquilas.
Refrigera a minha alma; guia-me pelas veredas da justiça, por amor do Seu nome.
Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque Tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam.” – Salmo 23 (trecho)


“Senhor, que és o céu e a terra, e que és a vida e a morte!
Dá-me alma para te servir e alma para te amar. Dá-me vista para te ver sempre no céu e na terra, ouvidos para te ouvir no vento e no mar, e mãos para trabalhar em teu nome.
Faz com que eu saiba amar os outros como irmãos e servir-te como a um pai.
Senhor, protege-me e ampara-me.
Dá-me que eu me sinta teu.
Senhor, livra-me de mim.” – Fernando Pessoa (trecho)


“Que a minha prece seja
Não para ser protegido dos perigos,
Mas para não ter medo de enfrentá-los.
Que a minha prece seja
Não para acalmar a dor,
Mas para que o coração a conquiste.
Permita que na batalha da vida
Não procure aliados,
Mas as minhas próprias forças.
Permita que não implore no meu medo,
Ansioso por ser salvo,
Mas que aguarde a paciência para
Conquistar a minha liberdade.” – Tagore


Ó alma querida, ferida nas batalhas da vida, machucada e esquecida qual nau errante, em distantes mares busco tua verdade, teu porto de partida, a lembrança dos tempos de esperança, a vida que existia em nossas crianças, a graça da flor que brotava nas palavras transbordantes de aroma e poesia.

Abençoado pelo esquecimento, dorme em teu íntimo a rota de teu destino, o projeto que arquitetaste para construir a catedral da tua reformulação, o santuário da descoberta, o sagrado solo em que verás germinar o teu novo ser, aquele que, reencontrando a verdade, descobrirá o caminho e assim será a luz que abençoará os que nas trevas persistem.

Serás um novo homem que da riqueza do coração tirará os tesouros que irão aplacar a miséria dos que hoje vivem nas ilusões, semeando nos corações e mentes a eterna verdade: “…fostes criados à Sua imagem e semelhança.” – José Batista de Carvalho (trecho)


“Concedei-nos Senhor,
A Serenidade necessária
Para aceitar as coisas que não podemos modificar,
Coragem para modificar aquelas que podemos
E Sabedoria para reconhecer as diferenças.” – Oração da Serenidade


Muito obrigada, Senhor!
Obrigada, Senhor, por estas mãos, que são minhas alavancas da ação, do progresso, da redenção.
Agradeço pelas mãos que acenam adeuses, pelas mãos que fazem ternura, e que socorrem na amargura; pelas mãos que acarinham, pelas mãos que elaboram as leis, pelas mãos que cicatrizam feridas retificando as carnes sofridas, balsamizando as dores de muitas vidas!
Pelas mãos que trabalham o solo, que amparam o sofrimento e estacam lágrimas, pelas mãos que ajudam os que sofrem, os que padecem…
Pelas mãos que brilham nestes traços, como estrelas sublimes fulgindo em meus braços!
Obrigada, Senhor, porque Te amo e sei que me amas, porque me deste a vida jovial, alegre, por Teu amor favorecida…
Obrigada, Senhor, porque nasci, obrigada, porque creio em Ti.
E porque me socorres com amor, hoje e sempre,
Obrigada, Senhor! – Amélia Rodrigues – por Divaldo Franco (trecho)


LêAqui: a mensagem certa na hora certa.
Também nas redes sociais: Facebook – Instagram – PinterestTwitter

Acompanhe as publicações inscrevendo-se para receber:
– Newsletter
– Notificações

Veja também

Imagem com fundo escuro com a frase tudo passa em branco para superar dificuldades

Orientações de Chico Xavier para superar as dificuldades da pandemia

As lições de Chico Xavier são sempre valiosas, sobretudo quando precisamos de auxílio para superar dificuldades, como neste momento em que vivemos os males da pandemia.

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: