Home / Espiritualidade / O poder da oração não é ilusório, e a ciência reconhece sua eficácia

O poder da oração não é ilusório, e a ciência reconhece sua eficácia

ilustração de vista lateral do cérebro humano sobreposto a uma foto de perfil feminino com efeitos de luz partindo da glândula Pineal para ilustrar o poder da oração

As evidências do poder da oração desafiam os conceitos tradicionais da medicina.

Não é de agora que se estuda a importância da espiritualidade para a saúde. E atualmente diversos setores da área da saúde realizam estudos que comprovam o poder que a oração exerce em benefício à nossa saúde e bem-estar.

O Dr. César Geremia¹ é endocrinologista pediátrico e membro da AME-RS. Em entrevista à Folha Espírita, ele disse que desde o final do século 19 já se compilavam dados sobre esse assunto.

Mas esses estudos ou passaram despercebidos ou não foram valorizados. Por outro lado, na atualidade muitas pesquisas são feitas para entender qual a relação e o poder que a oração – como uma manifestação da espiritualidade – exerce sobre a nossa saúde.

“E os resultados são inquestionáveis”, afirma o Dr. Geremia. “A religiosidade afeta favoravelmente inúmeros parâmetros de saúde e de qualidade de vida. Esse fato, com grandes implicações médicas, sociais e antropológicas, não pode mais ser negado, mas não prova a existência de Deus, nem a existência de uma realidade espiritual.”

Segundo ele, alguns benefícios importantes da religiosidade no que diz respeito a questões de saúde podem ser percebidos em certas situações como, por exemplo:

  • alívio do estresse, conseguido pelo suporte psicossocial que os grupos religiosos oferecem;
  • diminuição de fatores de risco, como álcool e fumo, que podem causar distúrbios de saúde;
  • adoção de hábitos saudáveis;
  • e mobilização de recursos fisiológicos já bem estudados pela psiconeuroimunologia (estudo das interações entre comportamento e os sistemas nervoso, endócrino e imunológico do corpo humano).

Cada vez mais, os estudos comprovam os benefícios da oração para a saúde.

“Mas há algo muito precioso em meio a tudo isso: um número crescente de publicações, em revistas conceituadas, tem abordado o efeito da prece intercessória na saúde humana.”, conta o Dr. Geremia.

Um exemplo disto é um estudo que foi realizado para mensurar o efeito da prece nos pacientes em tratamento de hemodiálise². A pesquisa mostrou que a espiritualidade é, de fato, um recurso que ajuda a pessoa no processo de aceitação da doença e favorece, inclusive, o processo de reabilitação.

Isto ocorre porque a espiritualidade desperta nas pessoas uma visão otimista, agindo de forma positiva no que diz respeito aos cuidados pessoais e com a saúde.

Uma importante experiência espiritual é a oração. E como resultado da sua prática, os pesquisadores verificaram que ela pode contribuir no processo de recuperação da saúde e promover o bem-estar de forma geral.

O estudo realizado comprovou seus efeitos benéficos sobretudo na redução da ansiedade, mas não se restringiram a aspectos emocionais. Além disso, foram obtidas melhorias também no nível físico, com a redução da pressão arterial, frequência cardíaca e frequência respiratória no grupo de pacientes estudado.

A oração, conclui o estudo “promove a esperança, permitindo uma ligação com o sagrado e o transcendente, além de contribuir para que as pessoas que a utilizam sintam-se mais fortes e seguras para enfrentar a enfermidade, a terapêutica e o âmbito em que se encontram.

Associada à esperança, a espiritualidade é um recurso capaz de contribuir para o enfrentamento de doenças que causam diversas alterações e sofrimento ao ser humano, favorecendo-o com os benefícios da interação entre o corpo e o espírito.”

A prece, mesmo a distância, produz efeitos favoráveis sobre as pessoas.

“À primeira vista, pode parecer algo de pouca importância, pois todos nós, que oramos, sentimos a ação benéfica da prece sobre o corpo e a alma, sem necessitarmos de provas adicionais. O que tem então de extraordinário esse fato?”, pergunta o profissional da medicina.

E ele responde explicando que vários estudos que foram feitos sobre a ação da prece a distância mostraram que a oração exerce efeitos sobre outras pessoas que podem ser mensurados.

“Essa força não está condicionada ao tempo e ao espaço”, comenta. “Ela é movida pela intenção; chega ao seu destino de forma instantânea e precisa. É a realidade transcendente da vida que se descortina aos olhos do observador atento e que ama a verdade.

A nosso ver, as pesquisas nessa direção construirão a ponte definitiva entre o físico e o extrafísico e servirão de base para uma nova compreensão da realidade em que vivemos e para a revalidação da cosmoética fundamentada no amor e na fraternidade.”

Em suma, existem evidências e elas mostram que a prece é um meio comprovadamente eficaz para auxiliar na recuperação e na manutenção do bem-estar e da saúde de forma geral. E elas desafiam a visão mecanicista que predomina no meio científico e os padrões médicos oficiais, diz o Dr. Geremia, pois “esses estudos apontam para uma realidade transcendente da vida e do ser.”

Desenvolvemos as condições físicas que nos permitem vivenciar o Divino.

Em seguida, entrando no campo da Física, o Dr Geremia explica como ela contribui para o entendimento do mecanismo de ação da prece.

“No universo quântico, todas as coisas – pessoas, seres, astros, mundos, o infinitamente pequeno e o infinitamente grande – estão conectados de forma instantânea. A velocidade da luz não mais impõe limites à troca de informações e à mútua influência entre tudo e todos.”

Dessa forma, os conceitos inovadores da Física mostram “a possibilidade de múltiplas dimensões no universo e dão respaldo à Doutrina Espírita, que postula que todos os fenômenos anímico-mediúnicos são fenômenos naturais, que obedecem a leis bem definidas, e que devem ser estudados como os demais fenômenos da natureza.”

Além disso, lembra o Dr Geremia, a neurobiologia mostra que o sistema nervoso, “ao longo de uma evolução multimilenar, desenvolveu estruturas cerebrais específicas, destinadas à experiência religiosa e aos fenômenos espirituais em geral.

Quando oramos ou entramos em êxtase meditativo, certas regiões encefálicas são ativadas, enquanto outras entram em repouso relativo. Isso nos mostra, então, que estamos desenvolvendo instrumental orgânico progressivamente mais eficiente para vivenciarmos o Divino.”

Por que ainda existe dúvida quanto ao poder real da oração sobre a saúde e o bem-estar?

Ainda assim, mesmo com os resultados obtidos em diversos estudos e pesquisas de organizações tanto governamentais quanto particulares, ainda existe a dúvida quanto ao real benefício das orações. Segundo o médico e membro da AME-RS, “o maior obstáculo é o preconceito: científico e religioso.

Temos uma tendência inata a nos apegar a valores, conceitos e pressupostos que, no seu conjunto, formam nossa visão de mundo. Enxergamos, interpretamos e julgamos pelas lentes do já conhecido e familiar. Qualquer coisa que possa ameaçar a integridade e a segurança desse mundo que construímos dentro de nós gera medo e reação em contrário.

A dificuldade em aceitar os fenômenos espirituais como legítimos por parte da ciência oficial deve-se, em parte, ao medo de retrocesso ao obscurantismo da Idade Média e à tutela dogmática das religiões institucionalizadas que, como todos sabemos, retardaram enormemente o avanço e a difusão do conhecimento”, explica o Dr. Geremia.

Ainda assim, ele confia que “o tempo e o trabalho infatigável dos que amam a verdade, em todos os campos do conhecimento, independentemente de credo, farão com que os princípios espíritas, universais que são, sejam progressivamente legitimados no âmbito da Ciência e da Filosofia. Um novo alvorecer se aproxima.”

Noemi C. Carvalho

Referências

1 – Associação Médico-Espírita – AME-Brasil
2 – Revista da Escola de Enfermagem da USP

ASSINE GRATUITAMENTE NOSSA NEWSLETTER

ASSINE GRATUITAMENTE NOSSA NEWSLETTER

1 – Insira o seu e-mail e cadastre-se.

2 – Autorize sua inscrição no e-mail de confirmação que você vai receber.
* Lembre-se de olhar as caixas de spam e de promoções.

Política de PrivacidadePolítica de Cookies Política Anti-Spam

LêAqui: a mensagem certa na hora certa.

Também nas redes sociais:

Facebook

Instagram

Pinterest

Twitter

YouTube

mediun Rectangle inferior –

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossas publicações por

e-mail

 Insira o seu e-mail para se cadastrar.

Você vai receber primeiro um e-mail para autorizar a inscrição.

Lembre-se de olhar as caixas de spam e de promoções.

Um e-mail vai ser enviado para você autorizar a sua inscrição. Lembre de olhar a caixa de spam.

%d blogueiros gostam disto: