Home / Espiritualidade / Onde é que está o nosso anjo da guarda?

Onde é que está o nosso anjo da guarda?

homem com binóculo a procura de algo onde está anjo da guarda

Tem dias que a gente se sente como quem partiu ou morreu.¹

De repente, do nada, como se fôssemos envolvidos por uma grande e escura nuvem, nosso ânimo fica abatido, os pensamentos se turvam e geram uma negatividade que não deixa nos concentrar nas tarefas. Mal estar generalizado, sentimo-nos totalmente impotentes: “Nossa, onde é que está o nosso anjo da guarda?”

Dize-me quem és e eu te direi com quem andas.

Não, não há nada de errado com o velho ditado, a inversão é proposital para ilustrar a causa da inhaca descrita no parágrafo anterior.

Vamos lá. O nosso pensamento é muito poderoso, mas muitos de nós não sabemos ou não valorizamos esse poder à nossa disposição. Entretanto, ele é considerado como a mais poderosa força que existe no mundo.

O nosso pensamento, além de ter poder, tem direção. E, portanto, podemos orientá-lo no sentido de manifestar a idealização no campo material. Pode até parecer uma coisa mística, mas lhe digo que o desconhecimento das características da força do pensamento é que estendeu o véu do mistério sobre o assunto.

A influência do pensamento no mundo material.

Cada vez mais ensaios clínicos e pesquisas científicas estão mapeando as propriedades do pensamento, as suas origens e os efeitos que eles podem alcançar.

Temos o conhecimento que os pensamentos são gerados em ondas eletromagnéticas, e essa característica influencia tudo o que é magnético e tudo o que é elétrico. E também sabemos que tudo o que existe é formado por átomos, e dentro dos átomos temos os prótons e os nêutrons.

Podemos assim vislumbrar que, em função dessas características eletromagnéticas, a mente e os pensamentos são capazes de atuar em tudo o que existe.

Quando temos algum pensamento, as ondas eletromagnéticas geradas vibram e então, como as ondas de rádio, percorrem o espaço. Assim influenciam as pessoas à nossa volta, da mesma forma que podemos ser influenciados pelos pensamento dos outros.

Até mesmo no mundo material os pensamentos têm o poder de nos influenciar, quando ouvimos alguém emitir o seu pensamento através da palavra. Somos, portanto, influenciados ao dar atenção ao que falam e escrevem os artistas, os políticos, os jornalistas, os influenciadores digitais e as pessoas com quem convivemos.

A influência do pensamento na esfera espiritual.

Da mesma forma que no mundo material uma palavra ou comentário escutado por nós causa impacto despertando emoções, na esfera espiritual a energia do pensamento pode nos conectar aos Espíritos.

A energia do pensamento cria os laços energéticos que fazem a ligação entre os Espíritos e os encarnados e também de encarnados com encarnados. Esta energia tanto pode ocorrer de um espírito desencarnado para uma pessoa encarnada, como o inverso.

A energia desses pensamentos todos que circulam funcionam de forma semelhante às ondas de rádio. Elas se diferenciam pela vibração das ondas eletromagnéticas. As energias semelhantes se harmonizam e agrupam energeticamente as pessoas (encarnadas ou não), formando uma psicosfera também conhecida como egrégora².

A sintonia com as entidades espirituais.

A sintonia é feita pelo tipo e qualidade dos pensamentos: pensamentos bons, alegres, felizes, edificantes criam um tipo de energia que vibra em frequências elevadas atraindo pessoas e entidades espirituais nobres e elevadas.

Agora prestem atenção na questão 459 de “O Livro Dos Espíritos”: “Os espíritos influem sobre os nossos pensamentos e as nossas ações?”

Cuja reposta foi: “A esse respeito sua influência é maior do que credes, porque, frequentemente, são eles que vos dirigem.”

Ou seja, conforme for a qualidade do que deixamos ficar nas nossas cabeças nós nos sintonizamos com as entidades espirituais de luz, ou nos enlaçamos com espíritos negativos, obsessores e voltados para o mal.

Perceba que a resposta dos Espíritos de luz a Allan Kardec não deixa dúvidas, “…sua influência é maior do que credes, porque, frequentemente, são eles que vos dirigem.”

O alerta aqui é para entendermos como funcionam as interações energéticas que nos aproximam daqueles que nos acompanharão e nos dirigirão.

Como é que atraímos as nossas companhias espirituais?

Muitas vezes, em decorrência da nossa educação, da cultura, da época e do local onde habitamos, bem como das tradições familiares e mais uma série de fatores, nem percebemos que os nossos atos, comportamentos e relacionamentos podem gerar energias que se ligam a entidades malignas.

Veja este exemplo: comportamentos orgulhosos e vaidosos podem ser vistos como atitude forte, proativa, segura, mas as emoções que geraram esse tipo de comportamento nasceram das energias da vaidade e do orgulho.

Outro fato: em muitas sociedades há uma larga tolerância ao consumo de alcoólicos. Esse vício é o grande motivador de acidentes automobilísticos, brigas e desavenças que podem até causar graves crimes e desentendimentos familiares, entre tantas outras ocorrências graves.

Pois bem, esse costume é um grande propulsor de energias que se ligam diretamente aos espíritos trevosos que ainda se encontram presos ao vício mas, que na condição de desencarnados, precisam vampirizar um encarnado que bebe para usufruir energeticamente da bebida.

Como acontece a ligação com os Espíritos negativos.

Existem uma série de outros fatores que nos ligam aos Espíritos negativos. É só pegar a relação dos sete pecados capitais e meditar sobre eles.

Você pode me dizer que não acredita em nada disso, que Espíritos não existem. Mas não interessa se você é materialista ou ateu. A forma como você vive, os lugares que frequenta, os seus hábitos e as suas atitudes criam as circunstâncias mentais que atrairão companhias com as mesmas afinidades.

A licenciosidade, a luxúria, os desregramentos viciosos atraem, de fato, uma densa e escura nuvem de criaturas negativas que aprisionam e exploram seu companheiros energéticos.

A integridade, a moral, a honestidade e a dignidade são atitudes que irradiam energias nobres e salutares, abrindo o caminho para que elevadas entidades espirituais aconcheguem-se ao redor dessas pessoas.

Orai e vigiai.

Por isso, quando as entidades malignas firmam sua presença junto a uma pessoa, trazendo perturbações e influenciando-a cada vez mais para decisões que só aumentarão a sua queda, não adianta reclamar da má sorte, não adianta procurar culpados, pois a porta por onde essas criaturas entraram foram abertas por ela própria.

Você pode gostar de ler também:
>> Divaldo Franco fala de mau-olhado e feitiçaria
>> As palavras têm o poder de profetizar seu sucesso
>> Anjo da guarda, um amigo dedicado

Onde é que está o nosso anjo da guarda?

Mas onde estão nossos guardiões e Espíritos protetores, onde está o nosso anjo da guarda que não nos protege contra tudo isso?

Não é que eles não possam ou não tenham capacidade para enfrentar esses assédios. Mas, exatamente por serem seres de luz, eles respeitam as nossas decisões e por isso não interferem no livre arbítrio. Contudo, em qualquer situação, eles estarão ao nosso lado inspirando boas ideias que resultem em boas ações, e propondo pensamentos salutares que afastem as más ideias.

Os nossos Santos Anjos da Guarda sempre estarão ao nosso lado, mesmo que não percebamos. Mas cabe a nós, e não a eles, experienciar a vida do nosso modo, da forma que fomos criados pelo Altíssimo para viver.

José Batista de Carvalho

Referências

1 – Roda viva – Compositor: Chico Buarque de Hollanda

2 – Egrégora é como se denomina a força espiritual criada a partir da soma de energias coletivas, fruto da congregação de duas ou mais pessoas.

ASSINE GRATUITAMENTE NOSSA NEWSLETTER

1 – Insira o seu e-mail e cadastre-se.

2 – Autorize sua inscrição no e-mail de confirmação que você vai receber.
* Lembre-se de olhar as caixas de spam e de promoções.

Política de PrivacidadePolítica de Cookies Política Anti-Spam

LêAqui: a mensagem certa na hora certa.

Também nas redes sociais:

Facebook

Instagram

Pinterest

Twitter

YouTube

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossas publicações por

e-mail

 Insira o seu e-mail para se cadastrar.

Você vai receber primeiro um e-mail para autorizar a inscrição.

Lembre-se de olhar as caixas de spam e de promoções.

Um e-mail vai ser enviado para você autorizar a sua inscrição. Lembre de olhar a caixa de spam.

%d blogueiros gostam disto: