Home / Autoconhecimento / Pelo pensamento você escolhe a sua companhia

Pelo pensamento você escolhe a sua companhia

casa frente a frente olhando-se com ondas eletromagnéticas ligando-os pensamento escolhe companhia

Você se liga a outros pela sintonia da vibração do pensamento.

O pensamento é considerado como a mais poderosa força que existe no mundo, e mesmo sem que o percebamos, ele tem força e direção. E é pelo pensamento que você escolhe a sua companhia, quem você vai querer que se ligue energeticamente a você.

Umas das principais propriedades do pensamento é a sua propagação por ondas eletromagnéticas, influenciando tudo o que é magnético e tudo o que é elétrico. Isto significa que a mente e o pensamento são capazes de atuar em tudo o que existe.

Esse processo funciona mais ou menos assim: quando temos algum pensamento, geramos as ondas eletromagnéticas. Então, como as ondas de rádio, elas percorrem o espaço. Assim, alcançam outras pessoas, que podem absorvê-las ou rechaçá-las.

Quando existe uma sintonia na mesma faixa de vibração, esses pensamentos são então assimilados, influenciando essas pessoas. E, da mesma forma pode acontecer o processo inverso, ou seja, podemos ser influenciados pelos pensamento dos outros.

E, certamente, não são só os pensamentos que têm esse poder de influenciação. As formas de expressão dos pensamentos, sejam as palavras faladas ou escritas, também exercem esse mesmo poder de nos influenciar.

Portanto, se a influenciação do pensamento pelos outros se dá de uma forma sutil, a fala e a escrita dependem da atenção que lhes damos.

Através do pensamento você faz ligações materiais e espirituais.

Além disso, da mesma forma que acontece no mundo material, os pensamentos, bem como as palavras, podem estabelecer ligações na esfera espiritual.

Assim, no plano material nós nos conectamos energeticamente às pessoas que vibram na mesma faixa e comungam das mesmas ideias.

Da mesma forma, no plano espiritual, a energia do pensamento pode nos conectar aos espíritos que entram em sintonia conosco.

Portanto, a energia do pensamento cria os laços energéticos que fazem a ligação entre as pessoas, entre pessoas e espíritos e, naturalmente, entre os espíritos.

Outro ponto importante é que esta energia pode se deslocar em qualquer direção entre os planos. Ou seja, tanto pode chegar a um espírito desencarnado vindo de uma pessoa encarnada, como também a situação inversa é possível, isto é, recebermos a influenciação dos espíritos.

Estes fenômenos acontecem porque as energias semelhantes se harmonizam, se atraem e se agrupam energeticamente, formando um campo de força espiritual conhecida como egrégora. Ela é criada a partir da soma de energias coletivas, fruto da congregação de duas ou mais pessoas.

O tipo de pensamento emitido escolhe a companhia que vai se aproximar.

Como disse Jesus, “onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles.” (Mateus 18:20).

Assim, a união de energias do pensamento e da intenção potencializa a sua força, podendo subir e se unir aos mais altos emissários celestes ou descer à mais profunda escuridão das almas ainda perversas.

Essa atração, que determina e escolhe a companhia que você vai ter ao seu lado, acontece de acordo com o tipo de pensamento emitido.

Portanto, pensamentos que têm como tônica o amor, a bondade, a felicidade e a fé emitem uma energia que vibra em frequências elevadas. Desta forma, ligando-se a energias semelhantes, atrai pessoas e entidades espirituais que têm o mesmo padrão elevado.

Por outro lado, os pensamentos centrados em negatividade como o rancor, o medo, o ciúme, a vaidade e o orgulho, atraem pessoas e espíritos que estão na mesma sintonia. E, neste caso, você terá a proximidade de pessoas interesseiras e maldosas, de espíritos vingativos e voltados para o mal.

Você decide quem quer ter ao seu lado.

Uma das perguntas de Allan Kardec, em “O Livro Dos Espíritos”, é a seguinte: “Os espíritos influem sobre os nossos pensamentos e as nossas ações?”

– “A esse respeito sua influência é maior do que credes, porque, frequentemente, são eles que vos dirigem.”, respondem os espíritos, que também esclarecem:

“Vossa alma é um Espirito que pensa. Não ignorais que, frequentemente, muitos pensamentos vos acodem a um tempo sobre o mesmo assunto e, não raro, contrários uns aos outros.

Pois bem! No conjunto deles, estão sempre de mistura os vossos com os nossos. Daí a incerteza em que vos vedes. É que tendes em vós duas ideias a se combaterem.”

Com relação à identificação para saber se um pensamento é originado por um bom ou um mau espírito, a orientação é para analisar com cuidado: “Os bons Espíritos só para o bem aconselham. Compete-vos discernir.”

Independente de você acreditar ou não na vida espiritual, a sua forma de pensar e de viver, atraem companhias com as mesmas afinidades.

Isto significa que é você quem determina se terá ao seu lado companhias sombrias, que exploram os seus companheiros energéticos, ou entidades espirituais elevadas e bondosas que vão protegê-lo e orientá-lo.

José Batista de Carvalho

ASSINE GRATUITAMENTE NOSSA NEWSLETTER

1 – Insira o seu e-mail e cadastre-se.

2 – Autorize sua inscrição no e-mail de confirmação que você vai receber.
* Lembre-se de olhar as caixas de spam e de promoções.

Política de PrivacidadePolítica de Cookies Política Anti-Spam

LêAqui: a mensagem certa na hora certa.

Também nas redes sociais:

Facebook

Instagram

Pinterest

Twitter

YouTube

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossas publicações por

e-mail

 Insira o seu e-mail para se cadastrar.

Você vai receber primeiro um e-mail para autorizar a inscrição.

Lembre-se de olhar as caixas de spam e de promoções.

Um e-mail vai ser enviado para você autorizar a sua inscrição. Lembre de olhar a caixa de spam.

%d blogueiros gostam disto: