Home / Autoconhecimento / Pense bem, pense certo e eleve sua vibração energética

Pense bem, pense certo e eleve sua vibração energética

ilustração fotográfica de um home em meio a um círculo de luz vibração energética

Os grupos energéticos que se formam neste nosso mundo instantâneo.

Na viva roda viva da vida passamos por dias em que nos sentimos como quem partiu ou morreu. Parece que todo o mundo cresceu, ou será que a gente estancou a nossa vibração energética?

Nós vimos uma intensa proliferação de equipamentos que possibilitam a comunicação e interação instantâneas com um grande contingente de pessoas.

Assim, o imenso mundo que desafiou os aventureiros navegantes do passado é hoje uma global aldeia, onde cada um de nós possui uma janela que nos mostra tudo o que está acontecendo.

Essa aglutinação virtual aproxima todo mundo e, assim, promove a circulação de pensamentos padronizados sobre o que está acontecendo. E, dessa forma, promove também extensas e complexas ligações energéticas enlaçando imensos grupos.

E como bem sabemos, o pensamento é uma força, uma energia com direção e poder.

A densa psicosfera que é tecida pela vibração energética sombria e negativa.

Temos ciência que, infelizmente, as notícias sobre violência, crimes, acidentes, catástrofes e todas as demais ocorrências infelizes são as que, de fato, mais têm capacidade de se espalhar e causar comoção.

E também sabemos que, quanto mais fundo os apresentadores desses programas forem, maiores audiências eles vão conquistar.

Além disso, muitos daqueles que se expõem a esse tipo de informação repassam essas notícias nas redes sociais, satisfazendo-se com a quantidade de “likes” que conseguem.

Assim, a cada dia que passa, percebemos que imensas e complexas correntes de energia pesada e negativa cada vez mais circulam por nosso planeta.

E, por vibrarem energeticamente em frequências similares, ao se ligarem elas tecem  uma psicosfera negativa, densa e doentia.

Você pode ler mais sobre psicosfera em Encosto ou obsessão espiritual, sintomas de um espírito obsessor

Uma visão das energias que pairam pela cidade.

Imagine que você está no alto de um grande edifício no centro de uma cidade. E, lá de cima, observa a massa de pessoas que circulam pelas ruas.

Agora imagine que você tem a capacidade de, ao observar os transeuntes, ver a energia que emana dos seus pensamentos. E então você nota algo orbitando ao redor de suas cabeças, que se parece com massas disformes e escuras.

Essas massas ovaladas são as formas-pensamento. Elas são criadas pelo poder da energia dos pensamentos.

Continuando com a visualização, você vai perceber como desses aglomerados de energia negativa partem ramificações, como se fossem fios percorrendo o espaço, atraindo-se mutuamente e ligando-se com outras massas de vibração energética equivalente.

O emaranhado denso e viscoso rapidamente avança, interligando todos que estão na mesma sintonia.

E enquanto se estende, vai se encorpando e tecendo uma imensa cúpula dessa energia que, quanto mais se expande, mais força acumula.

Você é capaz de dominar e controlar os seus pensamentos?

E é sob esses nefastos complexos vibracionais que vamos levando a vida. Na verdade, mais deixando a vida nos levar, pois a carga negativa é grande e exerce sua influencia também criando condições para espíritos ignorantes e vingativos agirem gerando conflitos e situações danosas.

Nós possuímos estruturas mentais e emocionais muito poderosas. E são elas as responsáveis pelas ações necessárias para regularmos e harmonizarmos nossas vibrações através dos pensamentos e sentimentos.

Neste ponto, começamos a encontrar um tipo de crença que faz as pessoas se sentirem incapazes de controlar seus pensamentos e suas emoções. Será que você é capaz de dominar e controlar os seus pensamentos?

De uma forma direta a melhor resposta é: se não for capaz, logo alguém estará fazendo isso por você e governará os seus pensamentos e o seu destino.

Projetar a culpa nos outros é abrir mão da responsabilidade.

Além disso, outra crença que sempre está forte entre nós é aquela que projeta a culpa nas outras pessoas.

Por vitimismo ou arrogância, tudo sempre é despejado no colo do outro: “meu chefe não me entende, está sempre nervoso, criticando, e assim tenho muita insegurança, me sinto desvalorizado, o culpado é ele”.

É preciso entender e aceitar que não temos poder algum sobre o outro. Não conseguimos, de jeito algum, fazer o outro agir de forma diferente do que ele é.

Mas, a forma como reagiremos ao que o outro faz está ao nosso alcance e poder. Afinal, só nós temos poder sobre o que pensamos e sentimos, e não podemos abrir mão dessa responsabilidade.

Supere a dificuldade de mudar.

Fomos criados segundo a orientação que devemos acreditar e confiar no que é conhecido. Assim nos apegamos às tradições e antigas crenças do passado, que continuam a manter o mundo dentro de preconceitos gerados pela ignorância.

Dessa forma, ainda com o olhar coberto pelo véu do desconhecido, encontramos uma grande maioria da população argumentando que não é possível ser alegre, feliz e sentir-se em paz em uma conjuntura onde diariamente fatos desagradáveis e atrozes circundam o cotidiano das pessoas.

Afinal, como é que podemos permanecer na vibração da paz e harmonia em meio à pandemia, que lança sua sombra de morte e destruição de vidas e trabalho ateando o medo em todas as mentes?

Outro mau costume que encontramos é aquele que se manifesta na maliciosa pergunta: “devemos fazer o jogo do contente, cair no negacionismo, fantasiando que tudo isso não existe?”

É claro que temos que estar sempre lúcidos, com os olhos dispostos a ver a verdade que a cada dia se expressa na vida. Mas não podemos ficar no escuro da inação, aguardando tudo melhorar por um passe de mágica irreal.

Querer ficar sem nada fazer, sem desafios a vencer, é negar a beleza da vida em seu bailado de sofrimento e superação, vencer a imperfeição para integrar nosso ser à perfeição anunciada pelo Mestre.

Sede vós pois perfeitos, como é perfeito o vosso Pai que está nos céus”. Mateus 5:48

Sentir-se bem depende só de você mesmo.

Este nosso mundo em muito vai melhorar se aceitarmos o apelo de Jesus para nos esforçarmos com perseverança na jornada da evolução.

Os outros não precisam melhorar para que nos sintamos bem. Antes precisamos exercitar a capacidade de aceitar as pessoas e coisas como são, desenvolver a paciência e tolerância e também nos vermos merecedores de estima e respeito, não deixando que o nosso livre-arbítrio seja desrespeitado.

Sabemos que, mesmo assim, muitos ainda vão continuar reclamando e maldizendo esse mundo desigual e imperfeito, parados, aguardando o mundo ideal. Pois assim podem continuar a praticar os mesmos vícios e continuar seguindo pelos perdidos caminhos.

Estamos em uma era de transição, o mundo está em meio a uma evolução que não possui retorno. Nesses tempos novos que estão por vir, a esfera energética será sempre elevada e intensa na sua vibração pelo bem.

Uma nova frequência energética, pulsando na vibração do amor.

Nesta era de regeneração a vibração energética será outra, a frequência do amor vai imperar. E aqueles que não conseguirem fazer de suas encarnações degraus seguros para a evolução vão ser então destinados à esferas com provações mais duras, para lapidar e proporcionar o seu desenvolvimento.

Mas nós podemos transformar e elevar a nossa vibração, e assim constituir o campo energético num espaço de força e luz, que afaste todas as trevas dos caminhos. Dessa forma, podemos ir livremente onde precisarmos, sem temer os percalços ou o desalento, pois nossa luz é nossa defesa.

Para isso, o primeiro esforço que precisamos empreender é sondar atentamente tudo o que se passa em nossos pensamentos e o estado de nossos sentimentos.

Vigilantes a qualquer pequeno pensamento que se afaste da positividade e queira se aproximar de nós, vamos repeli-lo firmemente.

Não deixe lamentações e reclamações estacionarem em você, maldizendo o calor ou o frio, se chove ou se faz sol, se tem muita ou pouca gente. Enfim, lamentos e queixas interferem e enfraquecem nossos campos energéticos, afetando nossas vibrações.

Lembre-se: os pensamentos e emoções modulam a nossa energia vibracional. E, de acordo com a qualidade e direção do pensamento, iremos atrair e ser atraídos por energias semelhantes.

Assim, tudo o que estiver circulando em nossas cabeças se fortalecerá, para o bem ou não. E, como sempre, a escolha é nossa.

Portanto, comece desde cedo a ter boas atitudes: ao levantar, declare com força e determinação que o sol do novo dia vai encontrá-lo feliz, alegre e em paz.

E ao deitar, procure então apaziguar a alma e o coração, para acompanhar a alegria e harmonia das estrelas.

José Batista de Carvalho

ASSINE GRATUITAMENTE NOSSA NEWSLETTER

ASSINE GRATUITAMENTE NOSSA NEWSLETTER

1 – Insira o seu e-mail e cadastre-se.

2 – Autorize sua inscrição no e-mail de confirmação que você vai receber.
* Lembre-se de olhar as caixas de spam e de promoções.

Política de PrivacidadePolítica de Cookies Política Anti-Spam

LêAqui: a mensagem certa na hora certa.

Também nas redes sociais:

Facebook

Instagram

Pinterest

Twitter

YouTube

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossas publicações por

e-mail

 Insira o seu e-mail para se cadastrar.

Você vai receber primeiro um e-mail para autorizar a inscrição.

Lembre-se de olhar as caixas de spam e de promoções.

Um e-mail vai ser enviado para você autorizar a sua inscrição. Lembre de olhar a caixa de spam.

%d blogueiros gostam disto: