Home / Espiritualidade / Divulgação Espírita-GECS/AME / Reforma Íntima e Transição Planetária

Reforma Íntima e Transição Planetária

Você guarda a impressão de haver esgotado o estoque de todos os seus recursos, em determinada tarefa de amor, mas se você perseverar um tanto mais no devotamento, ninguém pode prever os louros de luz que brilharão em seu passo.

Você está doente e pretende obter licenças de longo prazo, mas se você continuar um tanto mais em serviço, ninguém pode prever o tesouro de forças novas que lhe aparecerá no caminho.

Você encontrou imensas dificuldades no exercício das boas obras e anseia fugir delas, mas se você persistir um tanto mais na construção da beneficência, ninguém pode prever o triunfo que as suas horas recolherão, nas fontes vivas da caridade.

Você acredita que não pode tolerar o amigo importuno, o filho teimoso, o irmão inconsciente, a esposa inconstante ou o marido insensato, mas se você suportar um tanto mais a luta em família, ninguém pode prever a extensão do júbilo porvindouro em seu ninho doméstico.

Você supõe que o azar é o clima e chora na bica do desespero, mas se você cultivar um tanto mais de fidelidade às próprias obrigações, ninguém pode prever a amplitude do seu êxito, no amanhã que vem perto.

Você experimenta enorme cansaço e não quer dar ouvidos ao companheiro de longa conversa, mas se você esticar um tanto mais o seu sacrifício, ninguém pode prever os prodígios da colheita de bênção que surgirão dos seus breves minutos de gentileza.

Observe que você mesmo para realizar isso ou aquilo, exige incessantemente dos semelhantes um tanto mais de bondade, um tanto mais de cooperação, um tanto mais de tempo, um tanto mais de carinho…

O gênio é a paciência que não se acaba.

É justo que você deseje um tanto mais de felicidade, mas para isso, é necessário que você ajude um tanto mais a felicidade dos outros.

Repare você as lições da vida e compreenderá que a vitória no bem é sempre trabalhar conforme o dever e servir um tanto mais.

Autoria espiritual:  André Luiz, através da psicografia de Francisco Cândido Xavier

Este espaço foi criado para divulgar a Doutrina Espírita e as atividades do Grupo Espírita Cairbar Schutel criado por Marlene Nobre e Freitas Nobre sob instrução de Chico Xavier.

A história do GECS, na verdade, teve início através de um grupo de familiar do “Evangelho no Lar”, desenvolvido por Pedro Severino Junior, pai de Marlene Nobre e Paulo Rossi Severino, aproveitando o trabalho iniciado por sua avó Carolina Borsari Rossi. “As atividades do Grupo Espírita Caibar Schutel estão profundamente entrelaçadas a duas pessoas muito queridas: Pedro Severino Júnior, e Chico Xavier”, contava Dra. Marlene quando relembrava os primeiros tempos da casa espírita.

Um comentário

  1. Adriana Hauber Virmond

    Estou gostando muito de ler este site

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba nossas publicações por

e-mail

 Insira o seu e-mail para se cadastrar.

Você vai receber primeiro um e-mail para autorizar a inscrição.

Lembre-se de olhar as caixas de spam e de promoções.

Um e-mail vai ser enviado para você autorizar a sua inscrição. Lembre de olhar a caixa de spam.

%d blogueiros gostam disto: