Home / Autoconhecimento / Sem limite de idade

Sem limite de idade

A vontade de aprender e melhorar não tem idade.

Um comentário de uma de nossas leitoras me deixou agradavelmente surpresa: “já estou com quase 82 anos e sempre aprendendo“. Disposição para aprender e se desenvolver não tem limite de idade.

Que bela atitude essa de estar sempre aberto ao entendimento e disposto a qualquer modificação interior! É um bom exemplo e uma mensagem positiva para todo mundo. Continue assim, Maria José! E é verdade, “só mesmo praticando conseguimos sentir nossa energia interior“, e perceber onde podemos melhorar.

Nossa idade física é só um pequeno fragmento de nossa vida como seres espirituais. Somos todos crianças perante a paternidade Divina.

Do mesmo jeito que acontece quando uma criança começa a explorar o mundo, começamos engatinhando, depois vamos andando com passos vacilantes, aos poucos fortalecendo nossas passadas por caminhos nos quais, é verdade, muitas vezes tropeçamos, caímos e nos machucamos. Mas as feridas cicatrizam e a dor nos serve de lembrete para saber onde podemos pisar com segurança.

A vida é uma aventura, e nos conduz a um objetivo definido.

Ao contrário de uma exploração científica por terras distantes, a exploração pelo nosso mundo interior não tem um mapa ou uma trajetória definida. É uma aventura que se desdobra e vai apontando caminhos à medida que a percorremos.

Às vezes passamos por lugares sombrios e assustadores, como as florestas de espinhos dos contos de fadas, quando precisamos lidar com nossas energias mais densas, com as imperfeições de nossa personalidade. Quando chegamos a uma planície ensolarada, temos um tempo para refazer nossas forças, alimentar nossas esperanças, aliviados e fortalecidos pelo que já superamos. Continuamos, escalando montanhas íngremes – que exigem força e coragem para escalar seus obstáculos – passando por vales onde podemos nos refrescar à margem dos rios.

Enfim, seguimos nessa aventura que é viver, procurando atingir nosso objetivo, seja ele qual for: ser feliz, ter paz, aumentar a fé, realizar sonhos e anseios.

E como aqueles brinquedos onde precisamos conduzir a bolinha por um labirinto até colocá-la no centro, percebemos que o objetivo dessa viagem pessoal é nos conduzir para o nosso centro, para a nossa essência.

É lá que vamos encontrar a força, a coragem, a paciência, a tolerância, a compreensão, a determinação, enfim, tudo que precisamos está lá, concentrado naquela gota de Amor Divino que tudo pode e a tudo dá sentido.

 

Noemi C. Carvalho

 


LêAqui: a mensagem certa na hora certa.

Também nas redes sociais: Facebook – Instagram – PinterestTwitter


Veja também

Chico e a cachorra Boneca no colo

Causos e prosas de Chico Xavier: a cachorra Boneca

Esta é uma comovente história sobre Chico Xavier e a cachorra Boneca, que explica o que pode acontecer com os animais depois que eles morrem.

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: