Home / Tag Archives: Fernando Pessoa

Tag Archives: Fernando Pessoa

Todo querer começa no pensamento e se realiza na ação

querer começa no pensamento

O querer começa no pensamento, é a vontade que se converte na atitude construtiva que nos faz recomeçar sempre que preciso.

Ler mais »

O desassossego de Fernando Pessoa pela ingênua inconsciência

o desassossego de Fernando Pessoa

Fernando Pessoa descreve seu desassossego perante a ingênua inconsciência da humanidade, através das cenas vistas pelos olhos de Bernardo Soares.

Ler mais »

No silêncio interior encontramos muitas coisas

fotografia da estratosfera bem acima das nuvens que se parecem um imenso e belo tapete branco e acima o puro, limpo e puro azul silêncio interior coisas

Podemos nos encontrar com muitas coisas no silêncio da mente, e Álvaro Campos define o que é para ele "pensar em nada".

Ler mais »

O calmo azul do olhar de Caeiro

olho azul azul do olhar

Em "O Guardador de Rebanhos", Alberto Caeiro estende a calma do azul do céu ao seu olhar, refletindo sobre a aceitação e gratidão pela vida.

Ler mais »

No dia brancamente nublado, o mistério do Universo de Caeiro

vista de um campo ao amanhecer com a neblina envolvendo colinas e arvores dia brancamente nublado

A descrição do dia brancamente nublado de Alberto Caeiro nos leva a uma viagem pelo Universo infinito de nosso mundo interior.

Ler mais »

Uma seleção de frases de Fernando Pessoa

Fernando Pessoa foi um dos maiores nomes da literatura de Portugal. Suas obras se repartem nas várias personalidades por ele criadas, seus heterônimos.

Ler mais »

O girassol de Alberto Caeiro

O meu olhar é nítido como um girassol. Tenho o costume de andar pelas estradas Olhando para a direita e para a esquerda, E de vez em quando olhando para trás... E o que vejo a cada momento

Ler mais »

As sensações do pensar

Sou um guardador de rebanhos. Sou um guardador de rebanhos. O rebanho é os meus pensamentos E os meus pensamentos são todos sensações. Penso com os olhos e com os ouvidos E com as mãos e os pés E com o nariz e a boca. Pensar uma flor é vê-la …

Ler mais »

Uma viagem em busca das sensações

Deste modo ou daquele modo Deste modo ou daquele modo, Conforme calha ou não calha, Podendo às vezes dizer o que penso, E outras vezes dizendo-o mal e com misturas, Vou escrevendo os meus versos sem querer, Como se escrever não fosse uma coisa feita de gestos, Como se escrever …

Ler mais »

Todo o conhecimento provém dos sentidos

Todo o conhecimento vem dos ou pelos sentidos. Todo o conhecimento vem dos ou pelos sentidos; porém não sabemos quantos são os sentidos (quantos sentidos há). Sentidos chamamos nós àqueles dispositivos da mente pelos quais toma conhecimento (recebe uma impressão de que qualquer coisa existe, e de que essa coisa …

Ler mais »

Receba nossas publicações por

e-mail

 Insira o seu e-mail para se cadastrar.

Você vai receber primeiro um e-mail para autorizar a inscrição.

Lembre-se de olhar as caixas de spam e de promoções.

Um e-mail vai ser enviado para você autorizar a sua inscrição. Lembre de olhar a caixa de spam.