Home / Especiais / Datas Especiais / Uma Estrela e Três Reis

Uma Estrela e Três Reis

3 reisE entrando na casa, viram o menino com Maria,

prostrando-se, o adoraram, e abrindo os seus tesouros,

lhe ofereceram Ouro, Incenso e Mirra.

Mateus 2:11

O Dia de Reis, celebrado no dia 6 de janeiro, marca para os católicos o dia em que Jesus Cristo recebeu a visita dos três Reis Magos: Melchior, Gaspar e Baltazar.

Três reis se unem para ir ao encontro da criança profetizada.

Os Reis Magos saíram em viagem com o objetivo de prestar homenagem ao Menino Jesus, cujo nascimento é celebrado em 25 de Dezembro, o Dia de Natal.

Durante o trajeto, tiveram o auxílio de uma reluzente estrela que lhes orientou a caminhada até o local onde se encontrava o Menino Jesus, ao lado de seus pais, José e Maria. Essa estrela ficou conhecida como a Estrela de Belém.

De todas as partes do mundo e de todos os povos que nele habitam, temos histórias e relatos que nos dizem sobre os Reis que presentearam Jesus com os benditos Dons.

Eles vinham de diversas regiões do Oriente e encarnavam o passado, o presente e o futuro, ou os sacerdotes, os guerreiros e os cultivadores.

Eles não eram judeus, demonstrando que cada um, a seu modo, está também ligado a Jesus e ao grande significado de sua missão.

Os sábios interpretaram os sinais do céu e partiram em sua jornada.

Os Reis Magos eram astrólogos e o sentido da palavra “mago” expressava um ser de grande sabedoria e conhecimento.

Certa vez, descobriram uma conjunção muito peculiar que possuía grande significado, cuja interpretação seria: em meio ao povo judeu nascerá o Senhor do mundo.

Em função dessa revelação iniciaram a jornada para prestar homenagem ao Divino Ser seguindo “a estrela que apareceu no céu e acendeu no coração dos Reis Magos uma luz que os moveu em busca da grande Luz de Cristo”, nas palavras do Papa Francisco, que segue dizendo:

“A luz da estrela ilumina ainda hoje as pessoas que buscam a Deus.”

Os simbolismo dos presentes ofertados pelos reis ao Menino Jesus.

Ao chegar ao estábulo onde se encontrava a Sagrada Família, cada um dos reis magos entregou um presente, simbolizando seu reconhecimento à divindade do menino recém-nascido.

Na antiguidade, o ouro era um presente dado a reis, o incenso a sacerdotes e a mirra a profetas.

O ouro honrou Jesus como Rei, aquele que veio para salvar a humanidade, com sua Sabedoria Divina.

O incenso honrou Jesus como verdadeiro Filho de Deus, ou seja, como Ser Divino.

A mirra honrou Jesus como Filho de Deus encarnado, como Ser Humano.

Pelo fato do Menino Jesus ter sido presenteado nessa data, alguns países têm como tradição a troca de presentes no Dia de Reis, e não no Dia de Natal.

Os Reis Magos, percorrendo vastas distâncias, simbolizaram todos os povos da terra caminhando ao encontro da Estrela que indicava a Energia unificadora.

Energia essa que, na forma de uma criança, proporcionou uma intensa alegria e sentido de integração, sentimentos que se estendem até nossos dias.

Continuemos sempre seguindo essa Estrela que nos guia e mostra que todos os caminhos nos levam a Deus.

 

José Batista de Carvalho

 

com informações Vatican News

 

 


LêAqui: a mensagem certa na hora certa.

Também nas redes sociais: Facebook – Instagram – PinterestTwitter


 

Veja também

ilustração de nossa senhora segurando menino Jesus no colo para ilustrar Dia Mães Santa Maria

Neste Dia das Mães, lembremos de Nossa Santa Mãe Maria

No Dia das Mães, vamos elevar nosso pensamento e nossos corações a Santa Maria, pedindo suas bênçãos e proteção neste difícil período da pandemia.

Um comentário

  1. Belíssimos e inspiradores textos… Um convite para reflexão!

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: